Amazonas Brasil

Brasil | “Poderia ter ficado sem essa” – Em evento Internacional Ministro Sergio moro dá “bronca” no Governo do Amazonas e diz que o estado não tem controle dos presídios.


Manaus-AM, 29 de maio 2019.

Na última terça-feira (28), o Ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, disse durante um evento internacional, em Lisboa, que os problemas no sistema prisional do amazonas decorrer do descontrole do estado.

“É a informação que nós temos, de que houve um conflito entre facções criminosas, dentro dos presídios. Isso pode acontecer, em qualquer lugar do mundo. Não deveria. Nós temos a obrigação de tentar controlar esses casos específicos”, relatou o Ministro.

A nota do Ministério diz: “O Ministério da Justiça e Segurança Pública enviará uma Força-tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) para atuar no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, conforme solicitação do governo do Estado do Amazonas. O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) aguarda a formalização do pedido mas já está tomando as providências para o deslocamento da equipe.

A FTIP, foi criada em janeiro de 2017. Na atual gestão, o Depen passou a coordenar, exclusivamente, a força-tarefa em apoio aos governos estaduais em situações extraordinárias de crise no sistema penitenciário para controlar distúrbios e resolver outros problemas.

Formada por agentes federais de execução penal dos 26 estados da federação e do Distrito Federal, a FTIP obedece o planejamento definido pelos entes envolvidos na operação, sempre que houver necessidade de sua atuação.

A Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) é responsável pela segurança da área externa do Complexo Penitenciário Anísio Jobim desde 09 de janeiro de 2017. A FNSP continuará atuando no local.”

Moro afirma que a uma solução emergencial é a transferência de todos os líderes para presidio federais de segurança máxima.


Fonte: G1 – https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2019/05/28/massacre-no-amazonas-resulta-de-certo-descontrole-estatal-diz-moro.ghtml

Imagem: Divulgação

Redação: Portal Isso é Amazonas